O Blog no Fim do Universo

Posts Tagged ‘livro’

Playlist infinita em NY

Posted by Darshany L. em 15/02/2010

cena do filme Nick & Norah

A imagem acima é do filme Nick & Norah – Uma Noite de Amor e Música (Nick & Norah’s Infinite Playlist), mas ela serve apenas para dar vida aos personagens enquanto falo sobre o livro de mesmo nome.

Escrito por Rachel Cohn e David Levithan, o livro é narrado em primeira pessoa pelos dois personagens-título. Eles se alternam entre um capítulo e outro, contando o decorrer de uma mesma história pelo ponto de vista de cada um.

Nick & Norah

Em uma Nova York underground, conhecemos um Nick meigo, apaixonado e músico de uma banda de punk rock, e uma Norah complicada, boca suja, com um conhecimento musical incrível e incrédula para o amor. Tudo começa quando Nick, desiludido desde o término com Tris, vê a ex-namorada em um show de rock e pede a Norah, até então desconhecida, para ser sua namorada por 5 minutos.

Porém, os 5 minutos se tornam a noite inteira, e os dois se envolvem de uma maneira que não esperavam. Durante as horas que se passam, eles descobrem coisas em comum, principalmente na música. Repleta de referências a bandas de rock, a história de Nick e Norah parece ter uma trilha sonora embutida no livro e prende o leitor de forma apaixonante, nos fazendo querer saber até onde esse encontro inesperado vai levar os dois.

Anúncios

Posted in cinema, literatura | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , | 2 Comments »

Quando o passado e o presente se encontram

Posted by Darshany L. em 29/01/2010

Amor e Lixo, de Ivan Klíma

Um romance repleto de traços autobiográficos. Assim é Amor e Lixo, do autor tcheco Ivan Kíma. Narrado em primeira pessoa, a história conta sobre o passado e o presente, lado a lado, de um escritor em Praga, cujas obras estão proibidas em seu país.

O escritor, que não tem o seu nome revelado em nenhum momento, resolve então trabalhar como gari. Não porque precisa, uma vez que seu trabalho é reconhecido no exterior. Mas sim como forma de passar o seu tempo livre e ter uma nova experiência de vida.

Enquanto narra os seus dias de trabalho nas ruas de Praga, o personagem revela acontecimentos desde sua infância até o seu casamento, seriamente abalado por uma traição. Essa infidelidade, que pertenceu ao passado, volta a tomar conta de seu presente, e a paixão por vezes doentia de sua amante se torna tema de grande parte do livro. A obra também faz diversas referências ao escritor Franz Kafka, sobre quem o personagem central faz um ensaio.

Amor e Lixo mescla uma história de amor com críticas severas ao nazismo e ao regime comunista e repressor na Tchecoslováquia durante os anos 70 e 80. Diálogos por vezes cansativos, mas uma narrativa brilhante, sem dúvidas.

Posted in literatura | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , | 2 Comments »

1001 discos para ouvir antes de morrer: não é impossível

Posted by Darshany L. em 28/11/2009

Sempre que passo em frente às livrarias e vejo nas vitrines livros como 1001 Filmes Para Ver Antes de Morrer ou 1001 Discos Para Ouvir Antes de Morrer, e até mesmo 1001 Livros Para Ler Antes de Morrer (ufa), eu fico bem… querendo morrer. Porque falando sério, é muito desesperador você amar música, literatura, cinema e saber que precisa conhecer 1001 coisas de cada antes de morrer. Sempre achei meio impossível.

Livrinho tentador

Bom, nem tão mais impossível assim. Pelo menos em relação à música. O Sétima Nota publicou em seu último post um link que disponibiliza a lista de álbuns do livro 1001 Discos Para Ouvir Antes de Morrer e seus respectivos downloads. Isso mesmo: agora eu (todos nós) posso baixar tudinho! E o mais legal disso é poder conhecer artistas e músicas “novas”. Que, mesmo antigas, eu não conhecia. E também curtir o que eu já gosto, como Metallica, Rolling Stones, Beatles, The Doors, Creedence, Led Zeppelin, Lynyrd Skynyrd, Aerosmith, Sex Pistols, Van Halen, Dire Straits, AC/DC, Iron Maiden, Nirvana… isso porque só passei os olhos pela lista até o início dos anos 90. Legal também é ver a música brasileira marcando presença ali no meio, além de bandas de rock dos anos 60 que meus pais adoram!

The Doors e seu álbum de mesmo nome estão na lista

O álbum black do Metallica não podia faltar

O Metallica, inclusive, tem mais de um álbum na lista dos 1001. Para quem quer curtir o show que a banda vai fazer no Brasil em janeiro, é uma boa conferir parte da discografia. Para acessar o link com os downloads, só passar no blog Sétima Nota, que também tem várias outras coisas legais sobre música.

 

Via Sétima Nota.

Posted in música | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 3 Comments »

Quase 200.

Posted by Darshany L. em 30/06/2009

Este é o nome do livro que conta a história da imprensa capixaba, a ser lançado nesta quarta-feira, 1º de julho. Ele foi todo escrito por estudantes de Comunicação Social da Ufes, numa disciplina de livro-reportagem oferecida pelo professor José Antônio Martinuzzo.

O lançamento do livro será aberto ao público, que terá direito a pegar seu exemplar – totalmente free. Haverá também coquetel e uma mesa de autógrafos – na qual eu estarei sentada, das 21:20h às 21:40h. Yes, eu participei do livro!

Compareçam gente! Vai ser muito legal. É na Adufes (ali ao lado do Centro de Línguas, na Ufes), a partir das 20h.

Posted in comunicação | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , | 2 Comments »

Bloom’s Day: você conhece?

Posted by Darshany L. em 18/06/2009

Se foi logo pensando em Orlando Bloom (não o/a culpo), está enganado. Descobri hoje, através da Letícia Simões, que o Bloom’s Day, comemorado há 100 anos no dia 16 de junho, celebra a importância da vida e obra de James Joyce para a literatura mundial.

James Joyce, escritor de "Ulisses", é o homenageado do Bloom's Day.

James Joyce, escritor de "Ulisses", é o homenageado do Bloom's Day.

Para quem não sabe (eu não sabia, confessoconfessoconfesso), James Joyce foi um escritor irlandês, autor do romance clássico Ulisses, sua principal obra. O livro, considerado por muitos estudiosos o “romance definitivo do século XX”,  narra a história de um homem comum, Leopold Bloom, durante um único dia em Dublin: 16 de junho de 1904. Daí o nome Bloom’s Day e a data da comemoração.

Em Dublin, cidade natal de James Joyce e onde se passa Ulisses, é onde se concentram as manifestações mais fortes em homenagem ao escritor. Mas em todo o mundo há celebração, inclusive no Brasil. Vou correndo ler esse livro, para ano que vem eu participar também.

Via Bonde e Além do Muro da Estrada.

Posted in post-filtro | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 4 Comments »

Milhares de livros a um clique.

Posted by Darshany L. em 16/06/2009

Estava jantando e assistindo ao Jornal Nacional ao mesmo tempo quando me deparo com uma notícia sobre uma megasuperhiper biblioteca sendo construída em São Paulo. Qualquer outra pessoa poderia ter mudado de canal, mas o que me chamou atenção no telejornal dessa noite foi justamente essa matéria.

José Mindlin e seus livros: paixão.

José Mindlin e seus livros: paixão.

José Mindlin, bibliófilo, 94 anos. Praticamente 80 deles dedicados à coleção de livros em sua casa, compondo uma biblioteca pessoal de quase 100 mil exemplares (isso mesmo, 100 mil, você não leu errado!). Para ter idéia to tamanho da coisa, lá estão quase todas as primeiras edições dos livros de Machado de Assis, além das primeiras edições de O guarani, de José de Alencar e A moreninha, de Joaquim Manuel de Macedo. E não precisa gostar de literatura brasileira para ficar impressionado com isso.

Mindlin, além de ser o maior fã de livros do planeta, ainda é o cara mais bonzinho de todos também. Sim, ele quer partilhar sua biblioteca conosco, meros mortais! Para começar, doou, sem dó, parte de seu acervo para a biblioteca Brasiliana, da USP (sempre ela), em um total de 17 mil títulos. E, para quem não mora em São Paulo não ficar triste, todos eles estarão disponíveis na… internet. Uma Brasiliana Virtual!

Na casa de José Midlin há um robô “scanner” que lê 2,4 mil páginas por hora para montar a biblioteca digital. A previsão é que até o final do ano ele tenha digitalizado 4 mil livros e 30 mil imagens. Ou seja, podemos ler o livro como ele realmente é. Ficou curioso/com água na boca? É só entrar no site da Brasiliana USP! Fácil, fácil.

Via Flanela Paulistana e Art|Educando.

Posted in post-filtro | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 4 Comments »

Troca de livros pela internet.

Posted by Darshany L. em 19/05/2009

O Minhas Melodias, da Flávia Martinelli, indicou um site muito bacana no qual você pode trocar livros com outros usuários. É só fazer o cadastro, e listar os livros que você possui e quer trocar com alguém. Eu já me cadastrei!

Em seu último post, a Flávia reforçou a garantia do site e colocou uma foto com três livros que ela já recebeu em casa (incluindo O Diabo Veste Prada, o qual sou LOUCA para ler – só assisti ao filme). Super cômodo não? O texto dela que explica como entrar no site e se cadastrar, você pode ler AQUI.

Posted in post-filtro | Etiquetado: , , , , , , , , | 1 Comment »