O Blog no Fim do Universo

Posts Tagged ‘trailer’

À espera de Toy Story 3

Posted by Darshany L. em 01/03/2010

Come on Barbie, let's go party!

É minha gente, o ano está passando rápido, daqui 3 meses já estaremos em junho. E teremos Toy Story 3 para assistir! Quando postei isso aqui ano passado (ver aqui), faltava 1 ano ainda… parecia tão distante. A ansiedade só aumentou. O que o Ken tem a ver com isso? Ainda não sabe? Clique aqui para saber. :)

Vale a pena também dar uma olhadinha no site oficial do filme. Encanta até gente grande! Muito bem bolado.

Para quem quer relembrar as aventuras de Woody e Buzz, pode aproveitar que alguns cinemas estão exibindo Toy Story 1 e 2 e assistir em 3D. Confira a programação capixaba aqui.

O filme estreia mundialmente no dia 18 de junho. Assista ao trailer:

Posted in cinema, post-filtro | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , | Leave a Comment »

Bon Appetit!

Posted by Darshany L. em 25/02/2010

Excelente. É essa a sensação que Julie & Julia passa quando já está nos créditos finais: de ser um filme excelente. “Não acaba não, por favor!” é o que dá vontade de pedir.

Meryl Streep como Julia Child

Nos papéis principais temos Meryl Streep como Julia Child, indicada ao Oscar mais uma vez,  e Amy Adams como Julie Powell. A vida de Julia se passa na França dos anos 40, onde mora com o marido Paul (interpretado por Stanley Tucci) e quando decide se matricular em um curso de culinária para ocupar o seu tempo. Para Julia é um desafio, pois só há homens matriculados e todos parecem não respeitar o fato de uma mulher desejar ser uma profissional na área. Mas isso não impede que ela tire o seu diploma, de modo que a sua trajetória na arte culinária resulta no livro Mastering the Art of French Cooking, que leva as delícias da comida francesa às donas de casa americanas.

Amy Adams no papel de Julie Powell

Já Julie Powell é uma jornalista nos anos 2000, decepcionada com seu emprego de secretária e que sonha em ser reconhecida como escritora. Para tentar sair da monotonia e dar uma repaginada na sua vida, resolve fazer todas as 524 receitas do Mastering the Art of French Cooking em 365 dias. Apoiada pelo marido Eric (personagem de Chris Messina), Julie cria um blog no qual narra suas experiências na cozinha. Os posts vão além da culinária, e ela passa a dividir com seus leitores momentos de sua vida enquanto tenta cumprir o prazo, o que leva seu blog a ser um sucesso.

À primeira vista, parece um filme simples, sem grandes surpresas. Mas a magia vem pelo fato de serem duas histórias reais, contadas ao mesmo tempo. O roteiro acertou em cheio ao montar o filme entrelaçando a vida de Julie com a de Julia. Mesmo em épocas diferentes, podemos ver semelhanças entre as duas, como a persistência em busca de um objetivo. As atuações estão ótimas, destaque claro para Meryl Streep como uma grandalhona de voz engraçada. Amy Adams também acerta com a doce Julie, que nos proporciona momentos de muitas risadas com seus pequenos surtos.

A direção ficou por conta de Nora Ephron, e arrisco dizer que foi sua mais brilhante até então. O longa consegue prender o espectador, como se duas horas de filme tivessem passado rápido demais. Afinal, temos que nos preocupar em torcer para duas heroínas.

Trailer:

Curiosidade: o blog da Julie mostrado no filme é igual ao real. Para ver, é só clicar aqui. O atual blog da escritora é esse daqui.

Julie & Julia (2009, 123 min) está em cartaz nos cinemas. Confira a programação em Vitória clicando aqui.

Posted in cinema, resenha | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , , , , , | 5 Comments »

Amores perdidos

Posted by Darshany L. em 12/01/2010

Não, eu não errei o título novamente, como vai sugerir minha querida prima, cuja companhia no cinema foi fundamental. O filme é Abraços Partidos, última obra-prima do cineasta Pedro Almodóvar, mas o título do longa poderia ser Amores Perdidos sem o menor problema. Porque é essa a sensação que o filme passa o tempo inteiro: uma história de perdas.

Cena de Abraços Partidos

Além das perdas que já nos são apresentadas na primeira metade do filme, Abraços Partidos nos dá vários sinais de que algo pior está por vir. Chega a ser óbvio, em certo momento. Mas talvez seja essa mesma a intenção de Almodóvar, que incluiu no longa diversas referências a outras obras cinematográficas, diretores e a si mesmo – porque não?

Um diretor de cinema e roteirista que é cego (personagem de Lluís Homar) guarda em sua memória as lembranças de um romance que viveu com Lena (Penélope Cruz), 14 anos atrás. A história desse passado é revelada ao longo do filme. Paixões intensas, obsessão, tragédia e até mesmo comédia, montam o cenário de Abraços Partidos, que leva o espectador da risada ao choque de uma cena à outra. Isso sem contar a estética impecável do filme.

Trailer:

Em Vitória, Abraços Partidos está em cartaz no Cine Jardins, com sessões às 19h e às 21:20h. Saiba mais aqui.

Posted in cinema, resenha | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , | 2 Comments »

A glória de Tarantino

Posted by Darshany L. em 17/10/2009

Quase três horas de duração. E um “que filme fo-da” quando saí do cinema. Essa é a minha primeira avaliação de Bastardos Inglórios, o novo longa de Quentin Tarantino.

Todo mundo estava falando que Bastardos era ótimo. A maioria fã de Tarantino – ou seja, qualquer coisa que ele fizesse, iam elogiar. Eu não sou fã, apenas aprecio (e muito) o trabalho dele, então fui lá assistir pronta para criticar qualquer coisa. O começo me lembrou muito Kill Bill. Mas logo depois  entrou no seu próprio ritmo e Tarantino não caiu no erro de fazer uma produção parecida com a outra. Bastardos Inglórios é original e ponto.

E mais: é o filme que aborda a II Guerra Mundial mais original que eu já vi. E para entender isso, só assistindo. No mais, roteiro impecável, Brad Pitt comprovando ser um ótimo ator, Christoph Waltz digno de um Oscar, muitas risadas, ótimas pitadas de ironia e um final totalmente não clichê.

Trailer:

Posted in cinema | Etiquetado: , , , , , , , , , | 2 Comments »

“Gamer” decepciona

Posted by Darshany L. em 12/10/2009

Muitas cenas de ação, um pouco de romance (tá, quase nada de romance), atores bons e uma história interessante – a princípio. Quando assisti ao trailer de Gamer e vi todos esses ingredientes que fazem, para mim, um filme ser bom, fiquei doida para assistir.

A história do filme é até meio clichê. No futuro, K. Castle (Michael C. Hall) cria um jogo online no qual os jogadores controlam vidas reais (que na verdade são prisioneiros no corredor da morte que, se conseguirem um determinado número de vitórias, são libertados). É aí que entra Kable (Gerard Butler), um “personagem” desse jogo que é quase invencível e está prestes a ser o único a conseguir a tal liberdade.

No começo, estava achando ótimo. Mas me parece que o roteiro deixou a desejar lá pela metade do filme, e a história se perdeu. Alguns detalhes podiam ser melhor explicados, e nesses momentos a platéia fica “como?” ou “não entendi…”. As explicações foram muito jogadas em cima do espectador, e quando você está finalmente processando o que aconteceu, o filme acaba.

Gamer tem, sim, uma história bizarra. Mas Mandando Bala, por exemplo,  também tinha e me agradou bastante. A sorte dos diretores (os mesmos de Adrenalina, que por acaso é ótimo) foi ter ótimos atores em cena. Gerard Butler estava muito bom no papel de injustiçado, e Michael C. Hall (o Dexter !!!)  simplesmente perfeito como um psicopata (porque será?). Kyra Sedgwick (da série The Closer) também está no elenco, mas achei o papel meio apagado, apesar de ter me surpreendido. Acertaram também na trilha sonora, com Marilyn Manson e sua Sweet Dreams.

Ainda acho que trilhas sonoras com grandes clássicos podem salvar qualquer filme (assim como Nirvana, Mötley Crüe, AC/DC, Motörhead salvaram Mandando Bala).

Trailer de Gamer:

Kyra Sedgwick

Posted in cinema | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , | 1 Comment »

O “velho” e o “novo” jornalismo em um único filme.

Posted by Darshany L. em 15/06/2009

Russell Crowe como o jornalista Cal McAffrey.

Russell Crowe como o jornalista Cal McAffrey.

Inevitável foi, ao assistir no último sábado o filme Intrigas de Estado, pensar logo em indicá-lo aqui nesse blog. O filme já começa com um quê de guerrinha entre jornalismo impresso e o jornalismo online: de um lado, Russell Crowe como um jornalista “das antigas”, com seu PC de 1900 e lá vai bolinha, em um pseudo escritório mergulhado em papéis. Do outro, Rachel McAdams como uma jornalista novata, responsável pela versão online do jornal, custando muito menos e produzindo muito mais – parafraseando Helen Mirren no filme.

No blog Espaço Lumière, vi uma resenha bem bacana do filme, vale conferir clicando aqui. Abaixo, assista ao trailer, que também tem Ben Affleck e Robin Wright Penn no elenco:

Posted in cinema, post-filtro | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , , , , , | 5 Comments »

New Moon: trailer oficial

Posted by Darshany L. em 03/06/2009

Apesar de muita gente dizer que a saga Twilight é péssima, e blablabla, eu assumo que adoro, li todos os livros e não vejo a hora de estreiar o segundo filme, New Moon (Lua Nova).

No blog da Priscila Stein, você confere o vídeo com o trailer oficial! New Moon estréia em novembro desse ano, eba.

Posted in cinema, post-filtro | Etiquetado: , , , , , , | 5 Comments »